GLMUPE
GLMUPE - Grande Loja Maçônica Unida de Pernambuco

PALAVRA DO GRÃO MESTRE 

    Minhas senhoras, meus senhores; cunhadas; sobrinhos; sobrinhas meus irmãos.
“Os leitores extraem dos livros, consoante o seu caráter, a exemplo da abelha ou da aranha que, do suco das flores retiram, uma o mel, a outra o veneno”.
(Nietzsche).
Viemos, como Reis Magos do Ocidente, e dirigimo-nos para o Oriente em busca de um Mestre que queira instruir-nos.
Este Mestre deve ser Sábio para ensinar-nos a ser Livres, Virtuosos, Praticantes dos bons Costumes. É ter como divisa a igualdade e dar exemplo. Pregando a Santa lei – Fraternidade.
Há três portas para o Templo:
Saber trabalhar e orar.
E aqueles que esperam no portão externo podem entrar por qualquer delas.
A melhor coisa da vida, Deus nos deu de graça.
Nós maçons somos construtores sociais. Nosso lema é construir para a humanidade um reino de paz, felicidade e justiça, a fraternidade universal dentro de uma vida melhor.
Mas nós temos que lutar duro para conquistá-las. A Maçonaria nos escolhe, com a certeza de quê faremos o melhor que pudermos. Nem, sempre as pessoas valorizam isso. Dar valor às coisas é um exercício tão simples quanto respirar. Mas quantos de nós estamos conscientes disso?

   

A profunda sabedoria diz que temos de passar a prestar mais atenção a tudo que está em nossa volta. O estado de observação nos induz a ter uma visão mais refinada de tudo. O simples fato de observarmos o espaço em nosso entorno já nos faz mudar. São muitas as coisas que deixamos de passar por causa da correria diária. E isso é um desperdício, vocês já repararam que certas coisas que possuímos, quando estão ao nosso alcance, praticamente não damos o devido valor?
    Mas, no dia que as perdemos, percebemos o quanto tudo era de grande importância. Devemos sempre fazer um balanço de tudo que nos cerca e valorizar tudo aquilo que é importante em nossa vida.
   A Maçonaria é regida por um principio idealista de manter com a integridade a família, que é o bem mais precioso que temos para poder viver plenamente.
    No decorrer dos anos, aprendemos que a maioria das famílias possui problemas. Mas, como isso é algo natural, com ou sem família, o importante é que todos juntos tenhamos forças para seguir adiante. Aprendemos com a família muitas lições.   Uma delas é a da grande importância de se respeitar à individualidade de cada um.
    Muito obrigado por vocês terem participado da minha história até aqui.
    Espero contar com vocês e com suas amizades para o ano de 2012.
    Feliz Natal e um novo repleto de Paz, Saúde, Harmonia, Prosperidade e Gratidão.

Oriente do Recife, 13 de dezembro de 2011.

 

 

Ozimar Pinheiro Braga.
Grão Mestre


GLMUPE RECOMENDA